terça-feira, 30 de abril de 2013




 MINHAS   REFLEXÕES


Como adoro fechar os olhos...
Ficar bem quietinha...
Prestando atenção em cada fragmento...
Dos meus pensamentos...

Minha vida íntima...
Como é linda...

As estradas palmilhadas...
Com  confiança...
Força...E determinação...

O que fiz de mim...
Como gosto disto...
Minhas escolhas...
Muitas vezes ao faze-las...
Encontrava-me como um vulcão...
Com larvas incandescentes...

Mas com que facilidade...
Retorno à paz e serenidade...
Ao amor que aprendi a sentir por mim mesma...

Tenho muito orgulho da minha trajetória...
Sou dona de cada pequena decisão...
De cada escolha...

Um dia vou embora...
Como todos vão...
Mas quando chegar em casa...
Lá nas estrelas...

Chegarei com a convicção...
Que deixei muito por fazer...
Uma certeza tenho e terei sempre...
Que fiz tudo que me foi possível...

Para me tornar alguém especial...
No amor...Na compreensão...
Me esforço para nunca julgar ninguém...
AMAR...

                  Maria da Graça
        26/04/2013








segunda-feira, 22 de abril de 2013




MÃE NATUREZA


Quando sinto o coração sobrecarregado...
De desafios difíceis de encontrar soluções...


Me assento na praça...
Das acácias...Das palmeiras...


O vento...
Que balança suavemente...
As folhas das árvores...
Acalma meu coração...
Amedrontado...Confuso...
Sem respostas...


Verdadeiro milagre...
Estas minhas amigas...
Fazem por mim...


Naturalmente...
Como representantes diretas...
Do PAI e da MÃE NATUREZA...


Elas asserenam...
Sugerem caminhos...
Dom especial...
Outorgado a elas...
Missão maravilhosa...
Que cumprem com tanta beleza...


Me assento bem quietinha...
E fico escutando com atenção...
E emoção...
O sussurro melodioso...
Que sobe pelas raízes...
E se projeta no balançar...
De cada folhinha...


Como adoro fazer isto...
Sempre que posso...E necessito...


Ah! minha mãe natureza...
Como és prodigiosa...
Que poder...
Que beleza...


Mãe natureza...
Me envolva no compasso...
Do seu equilíbrio...
Ensina-me a saber esperar...
A hora certa de cada acontecimento...


                                                          Maria da Graça
                                                13/03/2013




sábado, 13 de abril de 2013




FINALMENTE TE ACHEI...


Como procurei você...
Nas brumas que se perdem...
No tempo afora...

Procurei em cada vida...
Em cada rosto...
Perdido  na multidão...
Não conseguia achar você...

Finalmente pelos seus olhos...
Doces e inesquecíveis...
Que o achei...
Num dia qualquer...
Que se perde num espaço de um tempo  qualquer...

De repente...Sem esperar...
A mesma postura ...O mesmo olhar...
A mesma personalidade reservada...
O mesmo caráter...A mesma teimosia...
 Camuflando as dificuldades emocionais...

A alma imortal...
Jamais esquece...
Mesmo estando encoberto...
Pelas brumas do tempo...

Basta pousar os olhos...
Tudo vem em revivência...
Mesmo que seja só na forma de emoção...

Quanta dor nesta procura...
Sempre valeu à pena...
Pelos muitos amores reencontrados...
Pelos muitos afetos solidificados...

E as muitas vidas continuam...
Nos inúmeros reencontros e desencontros...
Sendo que no final de cada uma delas...
O ponto de parada por tempo imprevisível...
É nas ESTRELAS...  

                                                          Maria da Graça
                                                 07/03/2013 



          

"Dê a quem você ama: asas para voar, raízes para voltar e motivos para ficar." (Dalai Lama)