quarta-feira, 27 de julho de 2016


PODER  SENTIR


Na minha dor...
Consolo não quero...
Escolho sentir a dor...


Da SAUDADE...
Intensa... Profunda...
Sinto como se o coração parasse de bater...
Dando pausa para sentir...


É como se a vida fugisse de mim...
Na confusão que acontece aqui dentro...
Fico quieta...


Olho com atenção para dentro...
Percebo que somente sua imagem permanece...
Intacta...Protegida...
De qualquer equívoco...


Quem me conta em segredo esta verdade?
Meu coração...
Este traidor da minha razão...


Me revela entre sussurros...
Ternos e Eternos...
Que dentro dele o centro é você...


                                         Maria da Graça
                                  04/12/2012 



"Dê a quem você ama: asas para voar, raízes para voltar e motivos para ficar." (Dalai Lama)